Autores
Saul Bellow
Nasceu em 1915, na província canadiana do Quebec. Dois anos antes, o seu pai emigrara da Rússia com a mulher e os três filhos, indo juntar­‑se a família já estabelecida no Canadá. Mais tarde, mudaram­‑se para Chicago. Entre as suas obras encontram­‑se «As Aventuras de Augie March», «Herzog», «Ravelstein», «O Legado de Humboldt» ou «Jerusalém, Ida e Volta». Recebeu o Prémio Nobel da Literatura em 1976. Morreu em 2005.
Livros publicados
na tinta-da-china
Saul Bellow participa na GRANTA 1 com «Memórias do filho de um contrabandista».

«Oh, sim, era muito impaciente com a infância. Não podíamos permanecer crianças, tínhamos de amadurecer e partilhar as suas dificuldades. Não me deixava estudar magia nem ir a banhos com o Daitch, nem sequer recolher­‑me na biblioteca pública.
Se me apanhava por lá, empurrava­‑me para a rua. Quando estava de mau humor, não se ralava em agarrar­‑me por uma orelha e arrastar­‑me dali para fora. Para longe de assuntos pouco sérios. Para longe das ilusões. Para longe de coisas vãs e infantis. Caminhávamos juntos enquanto ele segurava a minha orelha.
— Sabes o que és? — gritava­‑me, cheio de raiva. — Um monte de banha com olhos. Mas eu vou transformar­‑te em alguém. Um homem. Um judeu. Enquanto eu for vivo, nunca serás um idólatra, um marginal, um Epicuro.»
© 2013-2017 GRANTA
powered by Miguel Figueiredo