Inicio\GRANTA PortugalTinta da China\
ENTRAR
ITENS: 0
TOTAL: R$0
[CESTO VAZIO]
subscrever NEWSLETTER
AUTOR

Sophia de Mello Breyner Andresen

Sophia de Mello Breyner Andresen (Porto, 1919 – Lisboa, 2014) é uma das mais importantes poetas portuguesas do século xx.
Publicou seus primeiros poemas em 1940 e seu primeiro livro, Poesia, em 1944.
Na sequência do seu casamento com o jornalista, político e advogado Francisco Sousa Tavares, em 1946, se mudou para a cidade de Lisboa. Foi mãe de cinco filhos, para os quais escreveu vários contos infantis. Além da poesia e da literatura infantojuvenil, Sophia se distinguiu na escrita de contos, artigos, ensaios e teatro, e traduziu autores como Eurípides, Shakespeare, Claudel e Dante.
Sua obra está traduzida em várias línguas e foi várias vezes premiada, tendo recebido, entre outros, o Prêmio Camões (1999), o Prêmio de Poesia Max Jacob (França, 2001) e o Prêmio Rainha Sofia de Poesia Ibero-Americana (Espanha, 2003).
Sempre mantendo uma atitude politicamente interventiva, Sophia denunciou ativamente a ditadura salazarista e seus seguidores, bem como a guerra colonial e o apoio da Igreja Católica à política de Salazar. Foi fundadora e membro da Comissão Nacional de Apoio aos Presos Políticos. Após a Revolução do 25 de Abril, foi eleita para a Assembleia Constituinte, em 1975.
Faleceu a 2 de julho de 2004, em Lisboa. Dez anos depois, foram‑lhe concedidas honras de Estado e os seus restos mortais foram trasladados para o Panteão Nacional.
Livros deste autor
Livros deste autor: