Inicio\GRANTA PortugalTinta da China Brasil\
ENTRAR
ITENS: 0
TOTAL: €0
[CESTO VAZIO]
subscrever NEWSLETTER
AUTORES
Humorista, escritor e argumentista, Sidney Joseph Perelman nasceu em Brooklyn, Nova Iorque, a 1 de Fevereiro de 1904, numa família judia de origem russa, e cresceu na cidade de Providence, Rhode Island. Em 1921, entrou para a Brown University. Foi durante esta época que aperfeiçoou os seus dotes no desenho, ao juntar-se à equipa do jornal humorístico universitário «Brown Jug», de que chegou a ser...

ler mais
Sam Harris (1967) é formado em Filosofia pela Universidade de Stanford. Ao longo de 20 anos, estudou as tradições religiosas ocidentais e orientais, bem como diversas disciplinas espirituais. É doutorado em Neurociências, tendo estudado a base neural da crença, da descrença e da incerteza. As suas teses acerca dos perigos que a religião coloca à humanidade têm sido debatidas nos principais jornais...

ler mais
Sandra Ferreira (1970) é licenciada em Engenharia Química, com mestrado internacional em Medicina Humanitária. Trabalha há mais de 15 anos em cooperação para o desenvolvimento, essencialmente na área da saúde. Foi uma das fundadoras da organização Médicos do Mundo Portugal, onde trabalhou como directora de projecto e depois como directora executiva, até 2002. Foi responsável de saúde na Agência...

ler mais
É autodidacta em desenho e pintura. Embora tenha começado por estudar Publicidade, não demorou até regressar às origens. Foi então que prosseguiu os estudos no Instituto Universitário Nacional de las Artes (IUNA), em Buenos Aires, para passar de seguida a uma área mais específica, terminando os seus estudos em Cinema de Animação no Instituto I.M.A.G.E. Desde 2006 que trabalha no mercado...

ler mais
Saul Bellow (1915-2005) foi o único romancista a receber três National Book Awards, por «As Aventuras de Augie March», «Herzog» e «O Planeta do Sr. Sammler». Em 1975, ganhou o Prémio Pulitzer pelo romance «Humboldt’s Gift». O Nobel da Literatura foi-lhe atribuído em 1976 «pelo entendimento humano e pela subtil análise da cultura contemporânea que se combinam na sua obra». Em 1988 e 1990, Saul...

ler mais
É catedrática de Filosofia Contemporânea da Universidade de São Paulo. Publicou no Brasil cerca de 15 livros, na maioria sobre a filosofia nietzschiana, de entre os quais: «Nietzsche, das forças cósmicas aos valores humanos» e «Extravagâncias: Ensaios sobre a filosofia de Nietzsche». Publicou ainda artigos em livros e revistas especializadas no Brasil, em Portugal, na Alemanha, na Áustria, na...

ler mais
Serge Michailof dedica-se aos problemas do desenvolvimento desde 1968. Professor universitário no Institut d’Études Politiques de Paris, é também consultor regular do Banco Mundial e de várias outras instituições de ajuda ao desenvolvimento, bem como conselheiro de inúmeros governos. Foi director executivo de operações da Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD). Foi diretor de operações do Banco...

ler mais
Professor associado com agregação da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, mestre pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa e doutorado pela UL, tem‑se dedicado ao estudo da historiografia nas suas relações com outras memórias – entre elas o campo escolar –, nacionalismos e relações Portugal‑Espanha. Publicou «Consciência Histórica e...

ler mais
É docente na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa e na Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa. Tem investigado e escrito sobre o trabalho de vários artistas e sobre temáticas da arte contemporânea, com especial incidência nas questões em torno das práticas e teorias da imagem. Foi co-autor (com Pedro Macedo) da série documental Entre Imagens produzida...

ler mais
Sérgio Niza (Campo Maior, 1940) é, desde os anos 60, protagonista da educação em Portugal, quer pelo seu trabalho prático, quer pela reflexão teórica que desenvolveu em torno da escola e das suas práticas educativas. Foi professor do ensino primário e de educação especial entre 1963 e 1973. Em Lisboa, no Centro Infantil Helen Keller, integrou um projeto pioneiro de integração escolar de crianças...

ler mais
Sheila Fitzpatrick (Austrália, 1941) é historiadora e especialista em História Moderna da Rússia, sobretudo na vertente social. Licenciada em História pela Universidade de Melbourne, doutorou-se na Universidade de Oxford e ensinou História Soviética durante 20 anos na Universidade de Chicago, antes de voltar para a Austrália, onde continua a fazer investigação na Universidade de Sydney. É membro...

ler mais
William Somerset Maugham, filho de pais ingleses a viverem em França, nasceu em 1874, na embaixada britânica de Paris, de modo a escapar à obrigatoriedade de cumprir serviço militar imposta a todos os cidadãos nascidos em solo francês. Em dois anos, e antes de chegar à adolescência, Somerset Maugham perdeu ambos os pais. A morte da mãe foi especialmente traumática, e o escritor manteria à...

ler mais
Sonia Serrano nasceu em Lisboa e tem ascendência espanhola. Licenciou-se em Direito pela Universidade de Lisboa. Tem-se dedicado ao estudo da literatura espanhola e hispano-americana. Fez crítica literária no «Jornal de Letras» e participou em diversas publicações de poesia. Em 2010 ,foi co-comissária da exposição «Auto-Retratos do Mundo», no Museu Berardo, sobre a escritora, jornalista e...

ler mais
Formou-se em Ciência das Religiões e Filosofia, e doutorou-se na Universidade de Tübingen, na Alemanha, com uma tese sobre o neopaganismo em Fernando Pessoa. Foi membro do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa e integrou-se recentemente no Centro de Estudos da Comunicação e Cultura da Universidade Católica de Lisboa, onde desenvolve projectos ligados ao estudo sistemático das...

ler mais
Stephen G. Haw foi leitor de chinês na Universidade de Oxford e tem um mestrado da Universidade de Londres. Visitou a China pela primeira vez em 1980 e acabou por viver dois anos no país, estudando e dando aulas na Universidade de Shandong. Desde que regressou à Grã-Bretanha, voltou a visitar a China por diversas vezes, viajando extensivamente por todo o país. Em 1994, fez uma viagem por terra até...

ler mais
Stephen Kinzer, jornalista americano, trabalha desde os anos 70 como repórter do «New York Times». Enquanto correspondente no estrangeiro, deslocou-se a mais de 50 países, cobrindo a história recente de países no Médio Oriente, na América Latina e na ex-União Soviética. É autor de «Crescent and Star: Turkey Between Two Worlds» e co-autor de «Bitter Fruit: The Story of the American Coup in...

ler mais
É professor de Relações Internacionais na Kennedy School of Government, da Universidade de Harvard.

ler mais
É presidente da New America Foundation, um instituto político apartidário, sedeado em Washington, e é colaborador permanente na revista «New Yorker». Escreveu durante 20 anos no «Washington Post», ao serviço do qual desenvolveu um trabalho de jornalismo de investigação que lhe valeu o seu primeiro Prémio Pulitzer, em 1990. Ainda no «Washington Post», viajou por todo o mundo como correspondente...

ler mais
José Herculano Stuart Torrie d’Almeida Carvalhais nasceu em Vila Real a 7 de Março de 1887 e morreu a 2 de Março de 1961. O seu pai foi correspondente em Vila Real de um jornal humorístico e de caricaturas intitulado «O Dragão», publicado no Porto, cujo primeiro número saiu em 1887. Após vários anos em Espanha, regressou a Portugal em 1891. Como ilustrador, Stuart começou por participar em mostras...

ler mais
Susana Moreira Marques nasceu no Porto, em 1976, e actualmente vive em Lisboa, onde trabalha como escritora e jornalista freelancer. Entre 2005 e 2010 viveu em Londres, onde foi correspondente do jornal «Público» e trabalhou na BBC World Service. O seu trabalho tem aparecido no «Jornal de Negócios», «LER», «Granta», entre outras publicações nacionais e internacionais, e recebeu vários prémios. O...

ler mais
Sven Lindqvist nasceu em 1932, em Estocolmo, onde vive. Viajou extensamente por África, pela Ásia e pela América Latina, continentes sobre os quais escreveu ensaios, reportagens e romances, quase sempre com um enfoque nos temas do racismo, do colonialismo e da guerra. Dos seus mais de 30 livros, destacam‑se «Exterminem Todas as Bestas» (Caminho, 2005), «A History of Bombing» e «Desert...

ler mais